Presidente do Ipea fala sobre as mudanças socioeconômicas da população negra

Marcelo Neri, Ministro interino da SAE e presidente do Ipea, destacou os avanços socioeconômicos dos negros após 125 anos da abolição da escravatura. Neri observa o aumento do percentual de pretos e pardos nos últimos dez anos, tornando-se a maioria da população brasileira e a reversão inédita nas séries de pessoas que se autodenominam pretas, seguindo classificação do IBGE, compensando 1/3 das perdas do tamanho relativo do grupo observadas desde 1940. Um passo histórico decisivo contra o preconceito racial, com mais brasileiros afirmando se reconhecendo como negros.

Sobre os avanços socioeconômicos dos negros no Brasil, o ministro Marcelo Neri citou dados do estudo Vozes da Nova Classe Média, da SAE: 75% dos novos entrantes na classe média brasileira – três em cada quatro novos membros do segmento – são negros. O contingente de cerca de 30 milhões de pessoas corresponde a quase a totalidade da população negra da África do Sul.

Clique aqui e saiba mais sobre o Vozes da Classe Média.

Clique aqui e veja a apresentação feita pelo ministro interino Marcelo Neri.

Fonte: Ipea

Imagem: Thiago Cavalcante